Formação qualificada???Que é isso???Onde está a wikipédia????

Comentário a esta notícia publicada a 9 de Setembro de 2008, na agência Financeira:

«

Cerca de 40% dos empregados em Espanha têm qualificações.Cerca de 60 por cento da mão-de-obra em Portugal não tem qualquer formação específica, sendo apenas ultrapassada, entre 27 países ocidentais, pela Turquia, onde aquele indicador se situa nos 64%, revela um relatório internacional.Os indicadores da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), referentes a este ano mas elaborados com base em dados de 2006, colocam ainda Portugal nos últimos lugares quanto à percentagem de trabalhadores com formação superior (cerca de 13%), a par da Itália e só à frente da Turquia (pouco mais de 10%), avança a «Lusa».

No topo desta tabela surge o Canadá, onde sensivelmente metade dos empregados formou-se em universidades, seguido de Israel (46 por cento) e os Estados Unidos (39).

Quanto à mão-de-obra especializada, Portugal é também o penúltimo, com 28 por cento, de novo apenas à frente da Turquia (cerca de 25 por cento), e no lado oposto da Holanda, com um pouco mais de 50 por cento, da Austrália (à volta de metade) e da Suíça (48 por cento).

Ainda de acordo com a OCDE, em 2006 países como o Canadá e Israel tinham apenas sete por cento da sua força laboral sem formação universitária nem qualquer especialização.

Holanda, Suíça, Finlândia, Noruega e Islândia surgem logo a seguir nos lugares cimeiros, enquanto no fundo da tabela, mas à frente de Portugal, aparecem a Polónia, Itália, República Checa, Hungria e Eslováquia. Espanha surge à frente deste grupo, com cerca de 40% dos empregados sem qualquer qualificação específica. »

in http://www.agenciafinanceira.iol.pt/noticia.php?id=989090&div_id=1730

Sobre esta notícia penso que em Portugal, ainda se pensa mais nos números que na fidelização e satisfação, de tal forma que, não se contactam trabalhadores qualificados pois são mais dispendiosos, mas mais uma vez não se pensa na versão Custo VS Benefício, ter o quadro empresarial com alguns trabalhadores qualificados  é sempre salutar, senão veja-se, no contexto nacional pode-se pensar que é caro e que ter trabalhadores com formação superior é inútil, mas não se esqueçam que as fronteiras físicas dos países da UE já não existem desde os anos 90, e com o novo século apareceu a denominada Globalização, logo o nosso mercado não é o mercado nacional, mas deve-mos ter em conta que é um mercado mundial, pelo menos enquanto estivermos confinados ao nosso planeta azul.

Para podermos concorrer com players mundiais, temos que ter argumentos que façam a diferença, que causem desequilíbrio para podermos vingar numa concorrência bastante atroz, ter quadros qualificados na nossa organização, motivados e satisfeitos, é meio caminho andado para se poder concorrer taco a taco com os concorrentes.

Lembrem-se hoje qualquer empresa pode concorrer a nível mundial, nem que seja a do vão da escada lá do prédio, se tiver bons tecnologias e recursos humanos capazes, motivados e com visão, tem o céu como limite.

Em Portugal, vive-se de aparências e fachadas, não se esqueçam que frutos com aparências bonitas por fora podem estar podres por dentro. Em Portugal, temos empresas podres por dentro, sem clientes internos motivados, e que contagia o mercado e os clientes externos, logo rentabildiade baixa, ou a curto prazo.

Portanto, sei que o meu comentário nada vai mudar, e vamos continuar a viver na mediocridade da mentalidade do empresário mais comum, que pretende tirar a máxima rentabilidade do negócio ao mínimo custo, sem pensar na fidelização do cliente, na compra repetida, e na qualidade, na alta formação dos clientes internos de modo a poder saltar para o mercado global.

Tenho dito

RT

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s