Analíse do Manifesto de 28 reputados economistas nacionais….

economia

Hoje vou transcrever uma noticia que saiu no dia de ontem, sobre um manifesto realizado por 28 economistas nacionais, que mais a frente deixo um link, a noticia é sobre a analise do líder de um partido em ascensão na política nacional, passo a transcrever a referida notícia, e seguido do comentário:

« Louçã diz que autores de manifesto são antigos ministros de “pouca fama”

Francisco Louçã disse hoje, em Coimbra, que o manifesto subscrito por 28 economistas sobre investimentos públicos “é uma espécie de Olimpo do bloco central, em que vão buscar uma série de ex-ministros todos eles de pouca fama”.

Intervindo nas jornadas autárquicas do Bloco de Esquerda de Coimbra, onde Catarina Martins foi apresentada como candidata à autarquia, o coordenador nacional do partido considerou que os subscritores do manifesto “são ministros que sempre nos deixaram problemas enormes”.

“Oram vejam Eduardo Catroga, Miguel Cadilhe, Bessa, Campos e Cunha, tudo ministros que entraram e saíram e, por isso, nós podemos perguntar: se sabiam muito o que é que fizeram?”, questionou o dirigente bloquista,

“Como é que responderam ao horror económico? Com leis como o Código do Trabalho, que aumenta a precariedade e políticas económicas que facilitam o lay-off e os despedimentos. Isto é o resultado da política quando tomaram decisões”, rematou Louçã.

Vinte e oito economistas de diferentes quadrantes ideológicos subscreveram um apelo ao primeiro-ministro José Sócrates para reavaliar os investimentos públicos nos projectos do TGV, novas auto-estradas e futuro aeroporto de Lisboa.

Os signatários do manifesto alertam para a sua “baixa ou nula rentabilidade e fraca criação de emprego em Portugal”, considerando que as grandes obras previstas vão aumentar a dívida pública.

Considerando que as “obras públicas são importantes”, o líder do Bloco de Esquerda salientou que “a prioridade dos investimentos deve ser clarificados com respostas essenciais” e criticou ainda os autores do manifesto por não terem “uma palavra sobre a máfia financeira”.

“Como é possível que alguns ex-ministros se reúnam e apresentem ao país um manifesto de como a economia deve ser governada e não tenham uma palavra sobre a máfia financeira, os conselhos de administração que eles frequentavam com todo o deleite, nem uma palavra sobre as perdas brutais de buracos negros em brancos”, sublinhou.

Segundo Francisco Louçã, “só num banco que não era grande já representa uma perda de valor de dinheiros públicos que é maior do que o total que todos os ministros fizeram investir na economia para responder ao desemprego”.

O coordenador nacional do Bloco criticou ainda o primeiro-ministro José Sócrates por ter afirmado que os indicadores divulgados pelo Instituto Nacional de estatística sobre a vida económica “são animadores”.

Para Francisco Louçã, como é que “se pode dizer que há alguma animação quando o desemprego ultrapassa as 500 mil pessoas, continua a aumentar o trabalho precário, no trabalho temporário estão 400 mil, os contratos a prazo são um em cada três trabalhadores, o desemprego atinge um em cada 10, menos aqueles que as estatísticas não contam”.»

In: http://www.ionline.pt/conteudo/9645-louca-diz-que-autores-manifesto-sao-antigos-ministros-pouca-fama a 20 de Junho de 2009, no Jornal I

Notícia relacionada: http://www.ionline.pt/conteudo/9619-manifesto-28-economistas-querem-mudar-as-obras-publicas a 20 de Junho de 2009, No Jornal I

O meu comentário:

O manifesto subscrito por este economistas, é interessante, pois entre várias soluções que apresenta, a mais relevante é que defende que as grandes obras públicas são essenciais, no entanto, neste momento ou mesmo nos timmings em que o actual governo as quer realizar, são absurdas, pois vão colocar em causa as já se si más contas nacionais.

O curioso, é como o Deputado Francisco Louçã, coloca várias questões sobre a credibilidade de algumas medidas apresentadas neste manifesto, pois o manifesto é feito por 28 reputados economistas nacionais, mas muitos deles já estiverem em governos anteriores, e são co-responsáveis pelo estado de alguns sectores da nossa economia nacional.

Os referidos economistas, e tal como defende o deputado Louçã, nada alegam pelo menos em concreto, relativamente aos problemas de alguns buracos negros em alguns bancos nacionais, ou de coisas mais ocultas na economia nacional.

Alegam algum crescimento da economia, mas não verificam que a taxa de desemprego, continua alta, a taxa de existe muito trabalho precário, a termo, e que a situação, porque hoje entramos no verão, e existe muita requisição de trabalho sazonal, e como tal, o mesmo ainda não é espelhados nos números actuais do desemprego, lá para Setembro veremos, nessa altura, já devemos a estar a entrar para a pré campanha eleitoral das autarticas e das legislativas de 2009, e nessa mesma altura, vamos ver como é que o actual governo, que se quer recandidatar, se vai desenrascar.

Penso que medidas como o Bloco de Esquerda defende, tais como, quem tem 30 anos de descontos, têm a possibilidade de se reformar para dar lugar aos mais novos, a aposta na juventude e em especial em juventude especializada ou com formação de cariz superior, de modo, a reter os bons no nosso país, e de tal forma produzir mais e com qualidade, ser uma realidade.

Os economistas nada alguém nesses campos tão importantes e que, são realmente os que interessam à população nacional, são estes que servem para os portugueses pagaram as suas contas ao fim do mês, são estes que animam os portugueses e que os levam a poder sentir que é possível, confiar e ser feliz neste país à beira mar plantado.

Acordem, os campos que os portugueses querem saber, querem melhorias e de forma mais imediata são, a segurança, o desemprego, a saúde e a educação, meus senhores, os portugueses querem medidas eficazes e rápidas para estes campos, que caso não saibam, são os mais inferiores na pirâmide de Maslow.

Para quando as respostas que os portugueses anseiam?? Se pudesse que questões colocaria a um candidato às próximas legislativas??

Tenho Dito

RT

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s