Vale a Pena Fazer Um Seguro de Viagem??

Viagem

Hoje trago algo útil para quem quer marcar férias, passo a transcrever a notícia e de seguida faço uma análise:

« Seguros de viagem: compensam ou não?

Em altura de férias há sempre questões que deve colocar, uma delas diz respeito aos seguros de viagem caso esteja a pensar sair do país. Vale a pena ou não fazê-los? Pois bem, a Associação de Defesa do Consumidor fez as contas e chegou à conclusão que só compensa para destinos exóticos – sem pacote turístico – e garante que, em muitos casos, a assistência em viagem automóvel e o cartão europeu de seguro de doença são suficientes.
De acordo com a Deco, contratar este tipo de seguros “pode ser um gasto necessário se viajar só pela Europa ou se contratar o pacote numa agência de viagens”.
Segundo a associação, a maioria das coberturas do seguro de viagem está prevista noutros produtos ou serviços, o que no entender da mesma, “o torna pouco interessante”. “Por exemplo, os acidentes pessoais, na base de todas as apólices: indemniza por morte ou invalidez permanente e paga as despesas de tratamento e funeral, em caso de acidente. Mas com um seguro de vida, que a maioria dos consumidores contrata no crédito à habitação, e o cartão europeu de seguro de doença, gratuito e válido na maioria dos países da Europa, beneficia da mesma protecção”.
A Deco relembra ainda que, se pagar a viagem com cartão de crédito, pode activar a cobertura de responsabilidade civil, idêntica à do seguro: indemniza terceiros por danos causados pelo segurado e agregado familiar, animais domésticos ou durante a prática de um desporto amador.
Já a cobertura de bagagens, de acordo com a mesma, “ é limitada e pouco interessante”. Isto porque, regra geral, é activada quando as malas estão à guarda da transportadora ou do hotel e paga até 750 euros por objecto. Além disso, exclui dinheiro, cheques, cartões, jóias, casacos de pele, óculos, telemóveis, máquinas fotográficas e de filmar. Ou seja, esta cobertura pode ser substituída pela do cartão de crédito, se o usar para pagar a viagem.»

In: http://www.ionline.pt/conteudo/17406-seguros-viagem-compensam-ou-nao, a 10 de Agosto de 2009, no Jornal I

A minha análise:

Estamos em época de férias e no que concerne a ir de férias, todo o cuidado deve ser pouco, principalmente, em nos proteger em situações em que estamos num país fora do nosso.

Os seguros de viagem compensam se forem para serem accionados em países que essencialmente os seguros de vida não cobrem, como são por vezes países em via de desenvolvimento, logo são considerados como sendo países de risco, as seguradoras descartam essas responsabilidades, redireccionando para os seguros de viagem, no entanto, estes por vezes não são mais que um seguro de vida, mas só para fora do país, logo, porque é que se deve pagar duas vezes pela mesma cobertura?

No espaço Europeu e dentro dos países da União Europeia podemos, tendo o cartão europeu de doença, que pode ser solicitado na segurança social, quer fisicamente, quer pelos sites da segurança social, o seguro de vida que se tenha, devido a se possuir um seguro de saúde, ou então também o seguro do cartão de crédito são mais que suficientes.

Outra situação, e mesmo para aqueles que não possuem cartão crédito, e que só tenham cartão de débito, é que muitos cartões de débito, têm também seguros associados ao mesmo, é obvio que não tão completos ou abrangentes como os de crédito, mas que na generalidade, cobrem algumas situações de viagem, como os de crédito, mas com quantias inferiores.

No entanto, se tiver que recorrer a um seguro de viagem, o mesmo cobre essencialmente nas nossas malas, objectos comuns, coisas caras ou mesmo consideradas como sendo, artigos de luxo, não estão contempladas, como são os artigos de luxo, ou mesmo o numerário que suscitam curiosidade por parte dos amigos do alheio.

Na minha opinião um seguro de viagem compensa, se tiver coberturas diferentes das que já se possui, se tiver algum valor acrescentado ao que temos, e ver se realmente cobre o que necessitamos, caso contrário, pode ser muito bem dispensado.

Penso que o desejável é seguir o conselho da notícia, em que devemos primeiro verificar muito bem as coberturas dos nossos cartões de débito ou crédito; e depois verificar se compensa a subscrição de um seguro de viagem.

Basicamente, e como em todos os seguros, verificar bem as coberturas, é algo que devemos fazer para ver se compensa.

Votos de Boa Viagem a todos e Boas Escolhas

Tenho Dito

RT

Anúncios

3 pensamentos sobre “Vale a Pena Fazer Um Seguro de Viagem??

  1. Olá.

    Parabéns pelo post, seguro de viagem é um ítem muito necessário para qualquer viagem, este post ajuda a entender melhor como ele funciona.
    Aconselho acessar o http://www.realintercambio.com/seguros para escolher o seguro de viagem, pois esse site mostra os seguros disponíveis para viagem e permite comparar as coberturas e preços das principais seguradoras de viagem.
    Eles ainda atendem no 0800 602 20 20 qualquer dúvida. Abraço

  2. Há uma empresa que se chama INTERMUNDIAL, que tem seguros de viagem com coberturas bastante ampliadas e a preços bastante competitivos. Por um valor bastante acessível não vale a pena correr riscos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s