Conheça A Sugestão do Canal Q Com Um Programa Original…

Toca e Foge... Fonte: http://www.ionline.pt

Hoje por ser Quarta-feira, trago uma sugestão de um programa que podemos assistir mais logo na televisão, passo a transcrever a respectiva reportagem.

«Toca e Foge. O programa que põe os músicos a cantar na rua

Estreou na quarta-feira e é uma das novas apostas do canal Q, das Produções Fictícias

O músico Noiserv está sentado no miradouro da senhora do Monte, na Graça, em Lisboa, de órgão nos joelhos. Vai testando o som do instrumento, enquanto o operador de áudio, de auscultadores nos ouvidos, dá algumas indicações. Entretanto, um senhor de boina na cabeça e cigarro na boca vai observando a parafernália de câmaras e cabos. Outro reformado passeia para trás e para a frente, de mãos atrás das costas, a inspeccionar, desconfiado com aquela quebra na rotina do bairro. É assim a televisão.

“Toca e Foge” é o novo programa de música do canal Q, das Produções Fictícias, disponível apenas no MEO, que estreou na passada quarta-feira, com a banda Pontos Negros.

A ideia é simples: “Ter artistas ou bandas a tocar na rua, em sítios inesperados e em formato acústico”, explica André Penim, apresentador que divide a autoria do “Toca e Foge” com Mariana Vilela. Segundo Mariana, a inspiração vem de um blog francês, o “Blogotheque”, que também leva artistas e bandas para a rua. “Achámos que Lisboa seria um palco muito bom para uma coisa deste género, para criar um espectáculo espontâneo.” Cada programa conta com quatro actuações, no meio das quais são feitas pequenas entrevistas. Perdão, conversas. Afinal, este é “um encontro entre malta porreira”.

Terminado o sound check, Noiserv, que é, na verdade, David Santos, engenheiro electromecânico, vai para umas escadinhas tipicamente lisboetas, inclinadas e estreitas, onde o vento não dá um minuto de descanso. A primeira actuação é gravada duas vezes, pelo sim, pelo não, que tocar na rua tem vários riscos. “As maiores dificuldades são o vento, a chuva e, agora no Inverno, os dias mais curtos, com menos tempo de luz natural”, explica André Penim. “Desde que tivemos de desmarcar a primeira gravação por causa da chuva, que somos os maiores clientes do site de meteorologia. E agora temos sempre um plano b, num local fechado.”

Para Nuno Artur Silva, director do canal, é esse risco que também torna o programa interessante: “Não é premeditado, como num estúdio. É uma situação de risco que tem muito a ver com o canal, a possibilidade de experimentar, em cada programa, uma coisa nova.”

Quando foi convidado, David não pensou duas vezes: “Acho uma óptima forma de divulgação das bandas e artistas, que aproxima a música dos ouvintes.”

Sentado debaixo de uma árvore, de guitarra em punho, David é obrigado a repetir a segunda actuação do programa, já que um carro decidiu arrancar mesmo ali ao lado. A maioria das pessoas não liga às duas câmaras que gravam o programa, pelo menos ali, na Graça. Penim, explica que normalmente “toda a gente respeita e só se aproximam para fazer perguntas nos intervalos das gravações”.

O programa, tal como o canal, só está disponível no MEO, mas Nuno Artur Silva garante que “que o objectivo é o de alargar o Q a todas as plataformas”, ainda que não avence uma data. Entretanto, se não tem MEO vá a http://www.sapo.pt/canalq e assista aos vídeos.

“Toca e Foge” passa às quartas-feiras (22h40). Se não estiver em casa, não se preocupe, é um canal interactivo: pode ver depois »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/81724-toca-e-foge-o-programa-que-poe-os-musicos-cantar-na-rua, a 05 de Outubro de 2010, em Jornal I

Que Acham??

RT

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s