Conheça a Melhor Livraria Nacional…E a Que Vai ao Pódio a Nível Mundial…

Conheça a Melhor Livraria Portuguesa... Fonte: http://www.ionline.pt

Hoje trago um artigo que versa sobre um prémio que uma livraria na cidade do Porto recebeu esta semana, passo a transcrever a referida reportagem.

« A Lello é (quase) a melhor do mundo

A livraria Lello, no Porto, ficou em terceiro lugar no top das dez melhores livrarias do mundo

Divina” foi o adjectivo utilizado pelo “The Guardian” para descrever a livraria Lello, no Porto. Na lista feita pelo jornal britânico, em 2008, a loja ficou em terceiro lugar no ranking das livrarias mais belas do mundo. Agora, a Lello arrecadou o mesmo honroso lugar mas numa classificação diferente: é a terceira melhor livraria do planeta.

O top 10 é obra da “Lonely Planet´s Best in Travel 2011“. O guia turístico australiano elegeu os dez melhores sítios onde moram os livros. E ao que parece, um dos “tops” está mesmo aqui ao lado.

Quanto ao número 1, esse está em São Francisco. A City Lights Books foi fundada em 1953 pelo poeta Lawrence Ferlinghetti e Peter D. Martin. A livraria é símbolo de um movimento revolucionário e de uma cultura alternativa, tanto que chegou a ser o ponto de encontro para grandes artistas como Jack Kerouac e Allen Ginsberg.

Histórica: Mesmo no centro da cidade Invicta, entre os Clérigos e a Avenida dos Aliados, a livraria Lello é conhecida não só pelos anos de história que tem para contar mas também pelo ambiente invulgar.

A loja nasceu em 1906, pelas mãos do engenheiro Francisco Xavier Esteves e a inauguração contou com a presença de importantes figuras como Guerra Junqueiro, José Leite Vasconcelos e Afonso Costa.

Passado mais de um século, preserva a mesma estrutura arquitectónica exuberante. Dois andares de estilo neogótico unidos por uma escadaria vermelha em espiral. Uma decoração elaborada, tanto nas paredes como no tecto, impressiona o olhar. Uma vitrina no centro da sala exibe a frase em latim: “Decus in labore“, o que quer dizer “dedicação no trabalho”. A Lello preza por ter um ambiente descontraído e de prazer pela leitura. Por isso, no último andar há um café onde qualquer visitante pode aconchegar o estômago ao mesmo tempo que revitaliza a mente.

Não deixando de parte o ambiente neogótico, a Lonely Planet destaca as prateleiras antigas e as paredes que exibem o busto de grandes figuras portuguesas. Faz ainda referência à grande escadaria que diz assemelhar-se a uma “flor exótica”.

Resta saber quem ficou acima da livraria portuguesa. Em segundo lugar ficou a El Ateneo, em Buenos Aires, Argentina. Esta livraria, na Avenida Santa Fé, usufrui de condições especiais: está alojada num antigo teatro. A sala enorme, em tons de dourado com ornamentos antigos e até com um grande cortinado de veludo vermelho não deixa enganar. Uma verdadeira junção de arte: visual, artística e, claro, literária. »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/89044-a-lello-e-quase-melhor-do-mundo, a 18 de Novembro de 2010, em Jornal I

Parabéns à Livraria

RT

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: