Sugestão Para o Fim Semana….

Diabo na Cruz Fonte: http://www.ionline.pt

Hoje trago uma sugestão para a cidade de Lisboa que já começou no decorrer do dia de ontem.

« Lisboa Mistura. Um buffet de música do mundo

Portugal, Itália, Guiné-Bissau, Senegal… Artistas destes países e de muitos outros tocam a partir de hoje no festival no Teatro São Luiz

A partir de hoje à tarde, o centro de Lisboa torna-se um lugar ainda mais étnico. O Teatro São Luiz, no Chiado, poderá assemelhar-se a um aeroporto internacional onde músicos de várias culturas tocam melodias dos seus países enquanto fazem horas para o próximo voo. Do guitarrista guineense Kimi Djabaté ao senegalês Nuru Kane, da brasileira com ascendência japonesa e italiana Adriana Miki, aos portugueses Dead Combo, todos vão fazer check-in (ou neste caso sound-check) no palco principal do teatro lisboeta.

É a 5ª edição do Lisboa Mistura, um festival multicultural que “pretende misturar pessoas, energias, continentes e, sobretudo, promover a cultura como meio de inclusão”. Quem o diz é o músico Carlos Martins, o director artístico do festival que se realiza desde 2006. “Começámos em fase experimental, mas a interculturalidade na cidade era tão importante que repetimos”, explica Carlos. “Agora já há mais festivais deste género, mas este foi o primeiro.”

Até domingo há oito concertos para ver sem pagar um tostão no Jardim de Inverno do teatro. Entre eles está o do cantor senegalês Nuru Kane (às 19h00 de sábado), que é também uma lição de música do Oeste africano, já que pode descobrir a que é que soa a kora, o ngoni ou o calabasse. Os concertos na sala principal também não são caros: dez euros cada espectáculo, mas quem tem até 30 anos só paga cinco. E como é habitual em tudo o que é festas interculturais na cidade, os portugueses Terrakota marcam presença (às 22h00 de sexta) e vão apresentar o seu novo álbum “World Massala”.

No sábado, a noite é dedicada aos portugueses e às últimas tendências da música urbana. Lis-Nave é o nome do projecto que reúne no mesmo palco artistas nacionais como os Dead Combo (que convidam a dupla de bateristas dos PAUS), Diabo na Cruz ou Galandum Galundaina (vencedores do prémio Megafone). “É como uma nave que faz uma viagem musical por Lisboa”, diz Carlos Martins.

A festa acaba no domingo, na noite em que actua Kimi Djabaté, o aclamado guitarrista da Guiné-Bissau.

SEXTA-FEIRA, 3

19h30: Belladona; Naked Ladý

de Tiago Pereira; Ferro Gaita;

Anonima Nuvolar. Jardim de Inverno, entrada livre.

22h00: Terrakota. Sala principal, 10€.

00h00: Bordell. Jardim de Inverno, entrada livre.

SÁBADO, 4

17h00: Adriana Miki. Sala principal, 10€.

19h00:  Nuru Kane. Jardim de Inverno, entrada livre.

21h30: Lis–Nave. Sala principal, 10€.

23h30: Octa Push; DJ Dinis.

Jardim de inverno, entrada livre.

DOMINGO, 5

17h30: Void; Companhia; Clara Andermatt. Sala principal, 10€.

18h30: Festa Intercultural. Jardim de Inverno, entrada livre.

21H30: Kimi Djabaté. Sala principal, 10€

23H30: Clube Conguito. Jardim de Inverno, entrada livre. »

 

In: http://www.ionline.pt/conteudo/91885-lisboa-mistura-um-buffet-musica-do-mundo, a 3 de Dezembro de 2010, em Jornal I

 

RT

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s