Sugestões para Férias…

Sugestões de Férias... Fonte: http://www.studiofm.com.br

Hoje e porque estamos em clima de ferias…

« Sugestão TeK: Actividades para ocupar as férias

 O tempo é de férias para quem estuda e muitas vezes acaba por ser também de aborrecimento, com a falta de ocupação para tanto tempo livre. Seja por parte de quem o tem, ou dos próprios pais que querem deixar os filhos bem entregues quando saem para trabalhar.

A pensar nuns e outros deixamos hoje algumas sugestões de sites, a partir dos quais é possível descobrir e inscrever-se em actividades desenhadas à medida de um período de férias.

As idades visadas pelos programas que o TeK explorou virtualmente são várias e as zonas do país onde decorrem também, com relevo para a capital. Misturam-se brincadeira, formação, aprendizagem de novas artes e voluntariado e estas são apenas algumas das sugestões que a Web acolhe, para realizar por essa via ou em modo presencial.

Começamos pelo Oceanário, um clássico nos artigos que publicamos sobre o tema no intervalo de cada período escolar, mas nem por isso uma sugestão a deixar de referir. As Férias Debaixo de Água começaram no dia 27 de Junho e estendem-se até 9 de Setembro.

O principal objectivo das várias iniciativas em agenda são dar a conhecer a biodiversidade marinha e sensibilizar os mais novos para a importância da conservação da natureza. Todos os dias, entre as 9h e as 18 horas e em programas de 10 dias, para crianças até aos 12 anos.

Os detalhes estão explicados no site oficial, onde se garante que estão incluídas aulas de canoagem, os passeios de teleférico ou dormir, sextas-feiras à noite, na companhia de tubarões.

Também indicado para quem gosta de animais, vale a pena referir as iniciativas de Animação de Tempos Livres do Jardim Zoológico. “Aprender, explorando” é o lema destes programas que se mantêm no activo desde 1993, nos períodos de férias escolares.

Os destinatários são crianças e jovens que se interessam pela natureza e o objectivo é proporcionar-lhes a oportunidade de investigar os mistérios do reino animal de forma divertida. Quem participa transforma-se em Embaixador da Natureza. Para este Verão estão agendados 10 turnos de 5 dias de programa e mais um de quatro. Os detalhes estão online.

A Gulbenkian é outra das instituições com uma programação regular para crianças e jovens, nomeadamente em tempo de férias. O site oficial é o ponto de encontro com a agenda, que é extensa e versátil. É também bastante concorrida e por isso já encontrará muitas datas esgotadas … mas não todas.

As oficinas em agenda encontram-se facilmente no calendário. Cada uma é apresentada com tema, datas de realização, preços, duração e idade do público-alvo. No detalhe explicam-se os objectivos de cada oficina, quem as conduz e fornecesse-se informação sobre a disponibilidade das datas previstas. A bilheteira para a reserva de actividades também é online.

A norte também existem várias alternativas à disposição dos pais mais inquietos com as férias dos filhos. A Fundação de Serralves é uma referência incontornável nesta área, com uma agenda carregada (e diversificada) de sugestões para crianças com idades entre os 4 e os 12 anos.

As actividades em carteira prolongam-se até 2 de Setembro. As grandes linhas subjacentes visam motivar aprendizagens que valorizem a pesquisa e a criatividade.

Para quem procura actividades remuneradas para as férias o portal europeu de empregos de Verão também pode ser uma alternativa. Não sendo brilhante ao nível da usabilidade e pouco eficaz na resposta às opções de filtragem que propõe para seleccionar ofertas disponíveis, é no entanto um recurso promovido e apoiado pela Comissão Europeia, pelo que fica a nota. Tem como principal objectivo facilitar a vida a quem anda à procura de emprego sazonal.

O voluntariado também pode ser uma alternativa interessante para quem quer preencher o tempo livre das férias. Quem considera esta hipótese tem várias alternativas, deixamos algumas.

A Do Something é um dos endereços que vale a pena pôr nos favoritos. O projecto promove a participação cívica e o empreendedorismo nos jovens portugueses, através das novas tecnologias.

A Internet é a ferramenta por excelência para ligar voluntários e causas no terreno. O site da organização funciona como um espaço de partilha de ideias onde podem ser apresentadas causas para apoiar (individualmente ou em grupo), ou disponibilidade para apoiar causas promovidas por outros.

O site procura fomentar a iniciativa jovem com ideias e pode mesmo apoiar com financiamento, mas os projectos são sempre conduzidos e desenhados pelos jovens que aceitam fazer alguma coisa!

Voltando a recordar que neste domínio do voluntariado as opções são várias, fechamos com uma nota para o programa Voluntariado Jovem para as Florestas. A iniciativa é promovida pelo Instituto Português da Juventude e divulgada no Portal da Juventude, onde é possível encontrar todos os detalhes.

As inscrições fazem-se no portal, onde estão disponíveis os formulários necessários, e visam jovens com idades entre os 18 e os 30 anos, que podem juntar-se à iniciativa até 31 de Outubro.

Os voluntários para ajudar a sensibilizar populações para a importância de preservar as florestas e realizar acções concretas de preservação, não são necessários apenas no Verão, mas a actividade pode conjugar-se com o tempo livre de cada interessado em ajudar.

A formação também pode ser uma saída para ocupar de forma útil o tempo de férias escolares, sobretudo para os adolescentes. A oferta, também aqui é diversa e abrangente. Antes de sair do Portal da Juventude deixamos nota da campanha de Verão promovida pela Fundação para a Divulgação das Tecnologias de Informação, que baixou os preços de vários cursos na área das Tecnologias.

As próprias universidades têm um papel cada vez mais activo na promoção de iniciativas que possam ajudar os mais jovens a ocupar o tempo livre no Verão, enquanto exploram áreas do saber pelas quais estes tenham mais interesse.

A Universidade de Aveiro e a sua Academia de Verão é um exemplo, embora de momento com a fase de candidaturas encerrada. Acontece o mesmo na Universidade de Coimbra ou com a iniciativa Técnica Jovem – do IST – que tem estado a promover iniciativas dirigidas a alunos do ensino secundário.

Fechamos com votos de boas férias para quem está de férias e com a sugestão habitual: quem tiver mais dicas, por favor partilhe. »

In: http://tek.sapo.pt/extras/sugestoes/sugestao_tek_actividades_para_ocupar_as_feria_1167282.html, em Tek Sapo, a 12 de Julho de 2011

RT

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: