Mais um Recorde…e um gajo que não sabe que dizer, e não se cala…

Maio 21, 2008

No decorrer das ultimas horas do dia de ontem, tive acesso a umas declarações proferidas pelo presidente do maior grupo nacional de refinação que é a Galp.

O mesmo indicava que, como cliente se sentia triste pois a Galp não teria viabilidade para baixar o preço dos combustíveis em Portugal.

A barbaridade foi essa mesma, não entendo é como, se tem coragem de dizer semelhante coisa, quando se vem a publico apresentar os maiores lucros da empresa, se fosse mais recatado e humilde…se calhar os seus próprios colaboradores internos não pedissem explicação à própria empresa pra onde trabalham sobre o aumento dos combustíveis em Portugal.

Se ele baixar, ainda tem lucro que chegue, não tem é tanto o bandulho a rebentar..senão vejamos, se todas as empresas a operar em Portugal tem que comprar o combustível que vendem à Galp, não entendo como é que as cadeias de super e hiper’s deste país consegue vender por vezes com diferenças da ordem de 10 centimos, e reparem, não devem estar a fazer o denominado dumping, pois o mesmo é proibido por lei, e se o fizessem a Galp seria a primeira a atirar a pedra. Concluo que tem lucro, pois andam assim há anos e não rebentaram, ou seja, é viável e só mostra que algumas empresas insistem em roubarnos à mão armada, para ter o bandulho cheio, empresas que levam os combustíveis nacionais para vender em Espanha e mesmo assim têm lucro, e tem encargos superiores, pois em Espanha é normal o pessoal de contacto com o cliente vir colocar o combustível no automóvel.

Só peço que percebam, dá para todos, se quiserem tudo agora, se calhar amanhã será muito tarde, e vão ficar sem nada, senhores da Galp, lembrem-se quem tudo quer, tudo perde.

Tenho dito.

RT


Outra vez, a mesma coisa, gota….

Maio 14, 2008

Ora cá estou eu de volta, ja seiiii, tenho falta marcada, pois não tenho postado nada ultimamente.

É verdade, não tenho tido tempo, e portanto não tenho presenteado os meus internautas opinantes com as minhas críticas à nossa sociedade.

Hoje apetece me de novo mandar à baila o fantástico aumento dos combustíveis em 3 cêntimos, só tenho a dizer, qualquer dia não vou trabalhar, não tenho como me mover para o trabalho…Será que os clientes, vão conseguir ir à minha empresa fazer compras??Com o valor dos combustíveis e das misérias de ordenados, penso que cada vez serão menos
os que o vão poder fazer..é uma pena, pois tenho tantas coisas boas para vender e muitos serviços de qualidade para prestar..qualquer dia fico de novo sem emprego…

Tão a ver no que dá ter salarios minusculos e preços de cpmbustiveis que não têm nexo?? Será que sabem algo de economia???

Aprendam, estamos sempre a tempo de aprender.

Tenho dito.

RT