Conheça os Segredos dos Gelados…

Agosto 20, 2011

Segredos dos Gelados.... Fonte: http://www.ice-cream-recipes.com

Hoje trago um artigo interessante e que versa sobre …Gelados

« Olhó gelado fresquinho!

Verão é sinónimo de sol, temperaturas altas e necessidade constante de tomar algo que nos refresque. Um gelado é sempre uma excelente ideia nestas alturas. No que toca a geladarias, Portugal tem uma vasta oferta espalhada um pouco por todo o país. Geladarias tão boas que muitas delas já foram frequentadas por estrelas internacionais e membros da realeza. Todas elas com uma lista tão diversificada de sabores que a dificuldade fica mesmo é em saber quais aqueles que iremos escolher: desde os mais tradicionais como o morango, limão, chocolate ou baunilha, aos mais arrojados e imprevisíveis como gelado de figo, eucalipto, alfarroba e, imagine-se, cerveja preta! Coloca-se também a difícil questão: será que vamos querer o gelado em copo, em cone ou numa grande taça? Qualquer opção é boa, principalmente naquelas que o i escolheu como geladarias de referência.

Mas não se pense que é só com a vasta gama de sabores que as geladarias se preocupam. É verdade que há uma espécie de competição entre elas para ver qual a que oferece o sabor mais extravagante e qual é que ganha o título de melhor geladaria da cidade. Mas estas começam a preocupar-se com uma nova questão: um público que nem sempre pode comer gelados devido a algum tipo de intolerância alimentar ou doença. É a pensar neles que alguns espaços já confeccionam gelados à base de soja ou light para diabéticos e alérgicos à lactose, assim como há aqueles que legendam os seus menus com os ingredientes utilizados em cada gelado, tais como leite, ovos, etc. que podem impossibilitar algumas pessoas de os comer.

Os produtos utilizados na confecção são outro ponto a ter em conta para o resultado final ser perfeito. Para um bom gelado é necessário usar bons produtos: fruta fresca, produtos biológicos e de origem, e a utilização dos melhores produtos nacionais são preocupações constantes daqueles que fazem gelados, procurando sempre dar ao cliente o melhor.

Não se preocupe, porque se os gelados não forem aquilo que mais lhe agrada a maior parte das geladarias oferece também crepes, waffles, entre outros produtos igualmente apetecíveis. Vai um geladinho? Joana Refóios Martins »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/143740-olho-gelado-fresquinho, a 18 de Agosto de 2011, em Jornal I

RT


Como Fazer Férias Baratas…

Julho 20, 2011

Férias Baratas... Fonte: http://www.ionline.pt

Hoje trago um artigo bastante interessante para quem quer poupar nas férias, passo a transcrever o referido artigo.

« Verão. Descubra os truques para ir de férias sem se endividar

 Ir de férias em tempos de crise não é impossível. Conheça as promoções, as alternativas e os melhores destinos

 Crise é a palavra de ordem, mas quando o calor aperta e convida a uns mergulhos os portugueses tendem a não prescindir de uns dias de férias de Verão. Para que a falta de dinheiro não seja um impedimento, as alternativas mais económicas são a solução. Além disso, as agências de viagem apostam em pacotes promocionais para os destinos mais apreciados nesta época do ano.

A agência Soltrópico garante: “Queremos fazer parte da solução e não do problema.” Cabo Verde, Croácia, Brasil e Marrocos continuam a ser os países com maior procura no Verão, garante Tiago Rodrigues, da Soltrópico. A agência lançou este ano uma campanha chamada Férias PEC (Para Esquecer a Crise), na qual sugere a todos os portugueses que aproveitem para partir para “alguns destinos próximos e ao mesmo tempo afastados do actual clima nacional de instabilidade”. Com o mote “Não nos incomodem com a crise. Estamos de férias”, a operadora turística propõe viagens a Cabo Verde e Marrocos, à Croácia, ao Brasil ou ao Dubai.

Depois de um interregno de cinco meses, o operador turístico regressou com as propostas de férias no Egipto e na Tunísia. “A crise política no país levou-nos a prescindir de dois dos países com mais procura, mas agora consideramos que estão reunidas as condições de segurança nesses lugares”, acrescentou Tiago Rodrigues.

A Top Atlântico também apostou em campanhas promocionais durante os últimos meses, até porque “a procura apresenta um ritmo inferior ao do ano passado e um aumento crescente de decisões de última hora”, garante ao i fonte da agência de viagens.

Os destinos mais procurados pelos portugueses continuam a ser os mais tradicionais: Cabo Verde, Caraíbas, Brasil. Algarve, Madeira e Açores, apesar de este ano ainda não terem destinos esgotados.

Em território português, as promoções vão dos fins-de-semana no Fundão às semanas de praia em Tróia. A nível internacional, as ofertas são dirigidas ao continente africano, com viagens a Cabo Verde a partir de 509 euros ou a São Tomé por 939.

No site da Halcon Viagens é possível ainda aproveitar as viagens com venda antecipada. “Reservar antes tem mais desconto”, garantem no portal da agência de viagens. Formentera, Ibiza e Maiorca são alguns dos destinos aconselhados.

Crise Mais de metade dos 400 inquiridos num estudo do site de reservas Hotel.com revelam que a crise económica vai afectar as férias deste ano. No entanto, quase metade mantém a intenção de fazer férias no estrangeiro.

O estudo “Férias fora de Casa 2011”, da Marktest, revela que, dos 400 inquiridos, mais de 30% dizem que a crise vai afectar as férias, tornando a estada mais curta, enquanto cerca de 4,9% assumem que não vão sequer fazer férias ou não vão sair de casa.

Um estudo mais abrangente, e também mais alarmante, mostra que praticamente dois terços dos portugueses não vão fazer férias de Verão. A falta de dinheiro é o principal motivo apontado por 63,8% dos inquiridos pelo Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo. Dos que admitem parar nesse período, 76% garantiram que ficarão em Portugal, enquanto outros 13% elegem o continente europeu como destino.

Turismo Apesar da instabilidade nacional aos olhos dos estrangeiros, Portugal mantém-se como um destino de topo. Prova disso são os dados relativos aos lucros ligadas ao turismo: os turistas estrangeiros deixaram em Portugal receitas de 1924 milhões de euros nos primeiros quatros meses de 2011. Todos os mercados estratégicos contribuíram para o crescimento das receitas até Abril, com destaque para a França, o Reino Unido – um dos que mais se destacaram em dormidas e receitas.

Segundo o Barómetro Academia do Turismo, do IPDT, o Verão vai manter- -se como uma boa altura para o turismo. Sete de cada dez dos operadores turísticos inquiridos acreditam que o volume de proveitos dos mercados internacionais vai ser “melhor”, ou pelo menos “igual”, ao registado em 2010.

 

Truques para poupar

 

Trocar o quarto de hotel pelo parque de campismo

Margarida Pereira, 24 anos, decidiu que o espírito de aventura ia comandar as férias de Verão com o namorado. Optaram por trocar o conforto dos hotéis pelo campismo em parques ou mesmo pelo campismo selvagem. Durante uma semana no Alentejo e no Algarve a ideia é juntar o baixo orçamento à criatividade. “Queremos ir alternando entre parques de campismo, pousadas da juventude, ou até mesmo fazer campismo selvagem. É uma forma de rentabilizar o orçamento de forma divertida”, contou ao i. Com paragem em festivais de Verão, Margarida explica que o campismo é a primeira opção de quase todos os seus amigos. “Conseguir lugar em hotéis em época alta é quase impossível. Desta forma podemos ir mais dias e juntar um grupo maior”, acrescentou. O seu caso não é isolado. É uma opção que vai ganhando mais relevo, principalmente nesta altura de crise económica.

 

Troca de casa. Um negócio seguro e em crescimento

O alojamento de férias representa a maior fatia do valor gasto em férias e por isso a troca de casa é uma estratégia de poupança cada vez mais utilizada em Portugal. No site TrocaCasa.com celebram-se 250 mil trocas de casa por ano. A ideia é simples: após o registo, há que preencher uma ficha online na qual se descreve a casa que se tem para troca, o local que se pretende visitar e o número de pessoas que vão participar na viagem. Depois é esperar que um outro utilizador tenha interesse no que oferece e tenha também uma boa oferta em troca. As redes de troca de casa são pagas e supervisionadas, para evitar surpresas desagradáveis. Em metade dos casos, o acordo também envolve a troca de carros. É a nova tendência de férias low cost. Não se esqueça que o serviço não é gratuito. Se optar pela anuidade terá de pagar 2,95 euros por mês. 

 

Voos. O truque é deixar para a última hora e comparar preços

Antes de aceder a um site específico na altura de marcar uma viagem de avião, o ideal é recorrer a portais de comparação de preços. O skyscanner.com ou o viagens-booking.com são algumas das opções que apresentam as datas e as companhias com preços mais acessíveis. Apesar de muitos consumidores preferirem marcar viagens com antecedência, há ainda a opção de esperar até à última hora, altura em que podem surgir grandes promoções. É uma questão de arriscar e estar atento aos sites das companhias aéreas. Uma outra forma de poupar é apostar em levar pouca bagagem em voos de companhias low cost, por exemplo levar apenas mala de mão, sem qualquer custo adicional ao preço da viagem – mas esteja atento às restrições quanto ao tamanho destas malas. Já existem sites que ajudam a escolher apenas o essencial para a viagem, conforme o local que visita.

 

Palavras de ordem: descontos,  ofertas e promoções

Há quatro anos em Portugal, a Goodlife.com.pt apresenta-se como um conceito inovador que dá direito a descontos em centenas de locais por todo o país. Com uma boa organização é possível marcar alguns dias de férias por um preço bastante mais reduzido. Marta Ferreira é fã do conceito e já experimentou noites em hotéis no Algarve a jantares em restaurantes russos, tudo com descontos acima dos 50%. “Antes tinha de acampar ou ir para pousadas da juventude, agora com o mesmo dinheiro podemos ficar em hotéis de quatro estrelas”, conta ao i. A ideia multiplicou–se e actualmente são vários os sites com promoções do mesmo género. As opções de desconto são variadas e vão de tratamentos de beleza e entradas em parques de diversão a bilhetes para festivais de Verão.  »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/134282-verao-descubra-os-truques-ir-ferias-sem-se-endividar, a 19 de Julho de 2011, em Jornal I

RT


Conheça Receitas Para Levar Para Praia…

Julho 19, 2011

Receitas de Praia... Fonte: http://www.ionline.pt

Hoje trago um guia para se fazer refeições na praia, neste verão, passo a transcrever o referido artigo.

« Esqueça as sandes mistas: os banhos de sol podem ter mais sabores

As refeições na praia não têm de se limitar à costumeira sandes de pasta de atum ou de queijo com fiambre. Há um mundo de petiscos e sandes a explorar. Práticas, rápidas e eficazes, com garantia de satisfação dos apetites – palavra de banhistas do i que contribuíram para estas receitas. Se preferir snacks propostos por uma nutricionista, também se arranjam. É só ver a coluna do lado direito

Vamos lá ver se nos entendemos: bacalhau à brás não é um bom petisco para a praia. Porquê? A nutricionista Eduarda Alves explica: “Tudo o que leve ovos deve ser evitado, porque se deteriora facilmente e perde valor nutritivo.”

E isso, caros leitores, engloba os croquetes, rissóis e demais fritos, uma vez que também levam ovo. E a verdade é que “quanto mais calórico for o alimento, mais demorada é a digestão”, explica Eduarda. E não quer ter de esperar três horas para ir ao banho, pois não?

Mariana Ramos Chaves, nutricionista, é peremptória na escolha dos alimentos que nunca devem faltar na praia: “Água e legumes crus como tomate ou cenoura. Também não pode faltar fruta para os lanches. Além de serem ricos em água e por isso contribuírem para a hidratação, são ricos em antioxidantes essenciais quando estamos expostos ao sol.” Um dos erros que se comete é “o intervalo de horas que se fica sem comer, entre quatro e cinco horas”. E quando a fome aperta atirar-se ao pão branco que “é rico em açúcares simples de rápida absorção, ou bolas de Berlim que são fritos cheios de açúcar, ou ainda gelados com natas”. segundo Mariana, “isto acontece porque naturalmente depois de tantas horas em jejum o apetite é enorme, principalmente por alimentos doces”.

As bebidas alcoólicas também estão proibidas, uma vez que “contribuem para a desidratação”, explica Eduarda Alves. Vá buscar o caderno e aponte as nossas sugestões. Depois é só rumar à praia, que o calor aperta.

Sarah’s Couscous
Ingredientes
•  ‑500 g de cuscuz (6 pessoas)
•  ‑‑200 ml de azeite
•  ‑‑100 ml de sumo de limão
•  ‑‑um pepino
•  ‑‑três tomates descascados
•  ‑‑uma cebola grande
•  ‑‑sal q. b.
•  ‑‑azeitonas pretas fatiadas


Preparação
Coloque o cuscuz numa tigela grande (cru), junte o tomate, o pepino e a cebola picados. Junte o azeite e o sumo de limão e mexa. Não se esqueça das azeitonas. Para facilitar, já as há cortadas às fatias, em lata. Ponha a taça no frigorífico tapada com película aderente e deixe repousar 12 horas. Quando for buscar o cuscuz ao frigorífico, a magia terá acontecido e já estarão cozidos. Leve numa geleira para a praia. Coma à colher.

Sandes aparadas de salmão com pepino
Ingredientes
•  ‑uma embalagem de salmão fumado
•  ‑‑uma embalagem de queijo Philadelphia ou queijo fresco
•  ‑‑um pepino
•  ‑‑pimenta
•  ‑‑um pão de forma

Preparação
Apare as côdeas das fatias de pão de forma. Descasque parcialmente o pepino (a casca ajuda a digestão, faz com que o pepino não seja indigesto). Barre com queijo Philadelphia ou queijo fresco, dos dois lados da fatia. Junte uma ou duas fatias de salmão e, por cima do peixe, rodelas finas de pepino. Mantenha no frio. Bom apetite!

Sandes de mozzarella com espinafres
Ingredientes
•  ‑1 mozzarella fresco
•  ‑‑1 molho de espinafres frescos
•  ‑‑sal
•  ‑‑pimenta
•  ‑‑pão: bolas de mistura ou chapatas

Preparação
Coza os espinafres com sal q. b. Escorra bem e guarde no frigorífico. Corte a mozzarella em fatias grossas, para usar apenas uma por pão. Tempere com pimenta. Quando os espinafres estiverem frescos, coloque um montinho em cima da mozzarella. Tempere com pimenta. Se quiser dar mais sabor, ponha um fiozinho de azeite e um bocadinho de alho em pó. Mais uma vez, não vá para a praia sem a geleira.

Salada de arroz
Ingredientes
•  ‑2 chávenas de chá de arroz
•  ‑‑1 pimento amarelo
•  ‑‑2 tomates
•  ‑‑2 ovos cozidos
•  ‑‑1 ‑courgette
•  ‑‑1 ‑lata de milho (opcional)
•  ‑‑azeite e vinagre

Preparação
Coza o arroz, escorra num passador e passe por água fria abundante. Assim lava a goma e o arroz fica mais solto e frio. Coloque numa tigela grande. Ao mesmo tempo (em recipientes diferentes, claro) coza os dois ovos. Conte seis minutos a partir do momento em que a água começa a ferver. Descasque-os e corte aos quadradinhos, assim como o tomate, o pimento e a courgette. Junte tudo ao arroz e ao milho já escorrido. Tempere com azeite e vinagre q. b. Leve ao frigorífico.

Sandes de tomate e pesto
Ingredientes
•  ‑‑1 tomate chucha
•  ‑‑1 molho grande de manjericão fresco
•  ‑‑2 mãos-cheias de pinhões
•  ‑‑um dente de alho
•  ‑‑sal e pimenta q. b.
•  ‑‑queijo parmesão
•  ‑‑2 chávenas de chá de azeite
•  ‑‑baguete de cereais

Preparação
Numa frigideira, aqueça os pinhões em lume brando durante dois minutos. Deite o azeite num copo misturador, com os pinhões, o dente de alho e dois ou três cubos do queijo parmesão. Triture com a varinha mágica. Depois junte o manjericão e volte a triturar. Adicione o sal e a pimenta. Barre o pão de um lado e do outro e junte o tomate fatiado. Se gostar, junte mozzarella fresca. Bom apetite.


E a Dieta?
Pedimos à nutricionista Mariana Ramos Chaves (www.marianachaves.pt) sugestões para snacks saudáveis para degustar na praia, debaixo do chapéu de sol e de papo para o ar.

DOMINGO
Sandes de pão de mistura escuro com alface + cenoura ralada + pepino + 1 ou 2 fatia(s) de carne assada temperada com pouco azeite e orégãos. Acompanhar com tomate cereja.

SEGUNDA-FEIRA
Salada de alface + tomate + pepino + cenoura ralada + couve roxa + milho + 1 posta de salmão grelhado com amêndoas em lâminas torradas por cima e temperar com azeite e vinagre.

TERÇA-FEIRA
Cuscuz integral + tomate + brócolos cozidos a vapor + cogumelos e camarões salteados em azeite e alho.

QUARTA-FEIRA
Snack com cenouras baby + tomate cereja + 1 ovo cozido (atenção que tem de ser levado numa lancheiracom gelo).

QUINTA-FEIRA
Salada de tomate + pepino + pimento assado + atum, temperado com azeite e vinagre.

SEXTA-FEIRA
Sandes de pão de cereais com 1 bife de peru grelhado temperado com orégãos e azeite +  alface + tomate.

SÁBADO
Salada fria com ervilhas + feijão-verde + grão + cenoura cozida + tomate cereja + pescada/bacalhau cozida/o, temperado com azeite. »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/137192-esqueca-as-sandes-mistas-os-banhos-sol-podem-ter-mais-saboresm, a 18 de Julho de 2011, em Jornal I

RT


Conheça as Estreias Deste Verão…

Junho 22, 2011

Estreias de Verão... Fonte: http://www.ionline.pt/

Hoje trago um artigo que achei bastante interessante e que versa sobre 10 filmes que vão estrear este verão.

« Dez filmes para uma estação escaldante

Nem só de termómetros e calendários vive a certeza de ter chegado o Verão. Um olhar sobre os próximos filmes a estrear nos cinemas revela-nos a mesma certeza: entrámos na silly season. Não é uma crítica. Os blockbusters não são menos necessários à sobrevivência da espécie que o cinema de autor. Até final de Agosto, aguardam- -nos super-heróis, robôs, cowboys e extraterrestres, personagens de banda-desenhada e muito pouca coisa de carne e osso. Afinal vai estar demasiado calor para pensar e no cinema ao menos há ar condicionado. E não se fala da troika

01 Transformers 3
De Michael Bay
Com Shia LaBeouf, Rosie Huntington-Witheley
Estreia 30 de Junho

 

Os autobots bons e os autobots maus vão guerrear por uma nave que se despenhou na Lua. Megan Fox foi corrida, de modo que se arranjou outra moça para o difícil papel de passar duas horas a gritar enquanto é arrastada pela mão de Shia LaBeouf. O grande princípio estético que norteia a arte de Michael Bay é, como sabemos, fazer sempre explodir mais qualquer coisa que no filme anterior, de modo que o mínimo que podemos esperar para um ameno início de Verão é o apocalipse nuclear.

 

02 Capitão América: O Primeiro Vingador
De Joe Johnston
Com Chris Evans, Hugo Weaving
Estreia 4 de Agosto

 

Em 1989, Joe Johnston deu-nos “Querida, Eu Encolhi Os Miúdos”, filme que tem servido de inspiração a títulos de toda a espécie de coisas: artigos de jornal, programa de TV, publicidade engraçadinha. Depois mudou radicalmente de género. Como o título indica, “Capitão América” promete ser apenas o primeiro de mais uma saga/chaga (riscar o que não interessa) de adaptações de super-heróis, desta vez explorando o filão dos Vingadores. Candidato a flop do ano, mas a concorrência é feroz.

 

03 Lanterna Verde
De Martin Campbell
Com Ryan Reynolds, Blake Lively
Estreia 18 de Agosto

 

Continuando a percorrer o arco-íris, encontramos Hal Jordan, o primeiro ser humano seleccionado para integrar a força policial intergaláctica que mantém a paz no universo. Claramente, já andamos a chafurdar na segunda ou terceira divisão dos heróis e Ryan Reynolds não parece ter o arcaboiço nem o carisma mínimos exigidos aos justiceiros mascarados. Mas “Lanterna Verde” é realizado por Martin Campbell, o homem que já salvou duas vezes James Bond (“GoldenEye” e “Casino Royale”).  Tudo é possível, pois.

 

04 Planeta dos Macacos: A Origem
De Rupert Wyatt
Com James Franco, Freida Pinto
Estreia 11 de Agosto

 

É nessa mesma ordem de ideias que chega, na semana seguinte, a prequela ao “Planeta dos Macacos”.
Nos termos da biologia, poderíamos estar a falar de um combate dinossauros vs. microrganismos, o que até poderia ser interessante, mas não. O que nos espera é um realizador inexperiente, com dois actores que têm falhado o salto para o primeiro escalão, a revisitar uma saga que já deu mais do que tinha a dar. Se isto for bom, prometemos passar uma semana inteira a bananas.

 

05 Carros 2
De John Lasseter & Brad Lewis
Vozes Owen Wilson, Larry the Cable Guy
Estreia 7 de Julho

 

Há cinco anos, “Carros” foi bem recebido, mas não entrou para o quadro de honra da Pixar. Contudo, era um dos filmes preferidos de John Lasseter e, assim que se fechou “Toy Story”, entrou em marcha a sequela. Lightning McQueen e Mater vão fazer a rodagem por Japão, Inglaterra e Itália, a meias entre o Grande Prémio Mundial e uma incursão na espionagem. Passamos dos carros-robô de Bay para os amistosos de Lasseter. Qualquer dia, em vez de um homem dourado, os Óscares são entregues em forma de piston.

 

06 Conan the Barbarian
De Marcus Nispel
Com Jason Momoa, Ron Perlman
Estreia 25 de Agosto

 

Na nossa vida há três Conans: o rapaz do futuro de Hayao Miyazaki, Conan O’Brien e Arnold Schwarzenegger. Duvidamos que seja humanamente possível encontrar espaço para mais um (suspeita confirmada pelas primeiras imagens do remake). Conan parte para vingar a morte do pai e a destruição da sua aldeia – não se espera, pois, um filme contemplativo
a apelar à reflexão. Desconfiamos que, depois de sermos apresentados aos dotes de representação de Jason Momoa, Arnie vai parecer um Marlon Brando.

 

07 Os Smurfs
De Raja Gosnell
Vozes Neil Patrick Harris, Hank Azaria
Estreia 11 de Agosto

 

Recentemente acusados de propagandear ideais estalinistas, os pobres  estrunfes vêm a terreiro defender-se. Mas há mais: 53 anos depois de terem sido publicados pela primeira vez, pelo belga Peyo, vêm reivindicar o belo tom de pele que James Cameron sonegou para entregar às criaturas de “Avatar”. A sinopse diz que os estrunfes vão ser expulsos da aldeia pelo feiticeiro mau Gargamel, dando por si, depois, entre cogumelos e verdura em Central Park. Para filhos principiantes e pais nostálgicos.

 

08 Harry Potter e os Talismãs da Morte Parte II
De David Yates
Com Daniel Radcliffe, Emma Watson
Estreia 14 de Julho

 

Quando a saga começou ainda pagávamos em escudos; se durasse mais, talvez ainda voltássemos a fazê-lo. Mas prometem-nos que é o último, depois de sete livros, oito filmes e muitas imitações. Entre feitiços e borbulhas, espera-se que Harry e companhia enfrentem, finalmente, Lorde Voldemort. Depois hão-de atingir a terra prometida: a idade adulta. Na verdade, com tantos poderes, não se percebe como é que Harry nunca fez um feitiço para que a adolescência passasse mais depressa.

 

09 Cowboys & Aliens
De Jon Favreau
Com Daniel Craig, Harrison Ford
Estreia 25 de Agosto

 

De acordo com a “Empire”, quando Ford leu o guião disse: “Porque é que vocês tinham de estragar um western perfeitamente decente com esta treta dos aliens?” A verdade é que aceitou o papel, o que significa que vamos ter Indiana Jones e James Bond juntos e a cores no mesmo ecrã. Não há meio termo na expectativa para este filme de Jon Favreau, responsável pelos dois “Homem de Ferro”: ou dá um filmaço ou dá asneira. De qualquer das formas, o Verão vai fechar em grande. É assim que gostamos dele.

 

10 Super 8
De J. J. Abrams
Com Kyle Chandler, Elle Fanning
Estreia 28 de Julho

 

Uma raridade neste Verão: um filme original, isto é, que não é nem sequela nem remake nem adaptação. Abrams continua nos territórios de eleição, o mistério e a ficção científica, mas recua até 1979 para encontrar um grupo de miúdos que filma casualmente um acidente de comboio. Depois, começam a acontecer coisas estranhas na pequena localidade do Ohio. Spielberg produz, o que é boa notícia para uns e má para outros. Em todo o caso, os rumores que chegam dos Estados Unidos dizem que é “must see”. »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/131685-dez-filmes-uma-estacao-escaldante, a 21 de Junho de 2011, em Jornal I

RT


Receitas de Culinária Para Campistas…Conheça Algumas Das Iguarias…

Agosto 29, 2010

Receitas de Campismo... Fonte: http://www.vilaflor-paisagens.blogspot.com

Por ser Domingo, trago mais umas receitas, desta feita para campistas, para o efeito vou recorrer a um artigo que saiu na semana num diário da nossa praça. Aproveitem, pois o calor está a terminar…

« Seis receitas para campista fazer

Esqueça o esparguete com atum e os enlatados. Cozinhe com a ajuda dos chefes Luís Baena, José Avillez ou Henrique Sá Pessoa

Quem já tentou cozer esparguete num fogão da CampingGaz às nove da noite sabe que não é uma missão fácil. Requer paciência e alguma fé. Provavelmente só terá começado a comer lá para as onze da noite e provou uma espécie de al dente levado ao extremo que nenhum italiano aguentaria. Se isso aconteceu, a culpa não é sua. O fogão de campismo provavelmente só tinha um bico e a pequena botija não tinha potência suficiente para tal cozinhado. Não seja forreta e compre uma das grandes. Assim, evita peripécias e atrasos.

Se depois desta aventura passou a investir em enlatados, sandes, jantares em restaurantes e tinha como maior extravagância os grelhados, não tirou partido da vida de campista. Cozinhar ao ar livre não tem de ser uma dor de cabeça. Para o ajudar, temos um guia completo, tão fácil como as tendas de dois segundos da Quechua.

Apesar do Verão estar perto do fim, ainda vai a tempo de surpreender amigos e familiares com petiscos feitos num fogão minúsculo.

Desafiámos chefes com pouca experiência de campismo, mas que aceitaram criar receitas para o campista que há em si. As restrições eram: poucos utensílios, um grelhador ou um fogão portátil. Os chefes Luís Baena, José Avillez, Henrique Sá Pessoa, Nuno Bergonse, do restaurante Pedro e o Lobo, Kiko Martins, que está a fazer uma volta ao mundo gastronómica, e Teresa Mattamouros, autora das “Receitas light” (às segundas no i) e colaboradora da “Blue Cooking” oferecem-lhe opções saudáveis e apetitosas. Pode escolher entre entradas, pratos de carne e peixe, e até uma sobremesa.

Deixe a preguiça de lado. Esqueça de vez a chispalhada, a feijoada e a dobrada em lata, as massas em pacote com molho de quatro queijos e a dieta de sandes de pasta de atum. Transforme o campismo numa experiência gourmet.

Tibornas de tomate com conservas e com espetadas de carne

4 pessoas
Chefe Luís Baena

Ingredientes
•  12 fatias de pão (3 p/pessoa)
•  2 dentes de alho
•  4 Tomates médios maduro
•  1,5 dl de azeite
•  2 sardinhas de conversa_por pessoa
•  3 latas de ovas
•  8 ramos de alecrim
•  3 colheres de sopa de pesto
•  2 cubos de carne de porco por pessoa
•  2 asas de frango por pessoa
•  1 costeleta de borrego por pessoa
•  Sal q.b.

Preparação
•  Cortar fatias de pão e torrá-las.
•  Raspar as fatias com alho cru, tomate maduro e azeite. _Sobre algumas colocar sardinhas e ovas de conserva e regar com um pouco de pesto.
•  Para as outras, arranjar uns ramos de alecrim e cortá-los com cerca de 10 cm. Retirar as folhas deixando só 2 cm no final.
•  Aproveitar o ramo para espetar os pedaços de carne (borrego, porco e frango) marinados num pouco de limão, sal e azeite.
•  Grelhar no fogão ou numa pequena fogueira.
•  Quando terminar, colocar sobre o pão e pincelar com manteiga.

Batata recheada com queijo, azeitona e tremoço

Kiko Martins, chefe de cozinha actualmente a fazer uma volta ao mundo gastronómica (eattheworld.blogspot.com)

Ingredientes
•  2 kg de batatas grandes_para cozer
•  2 unidades de queijo Palhais
•  100 g azeitonas
•  100 g tremoços
•  10 g rosmaninho
•  5 g colorau
•  30 ml azeite
•  q.b. sal
•  q.b. pimenta

Preparação
Cozinhar as batatas com casca em água com sal durante cerca de trinta minutos. Para ver quando é que as batatas estão no ponto, espetar uma faca e elevar a batata. Se esta cair, é porque está cozinhada. Abrir ao meio e retirar o interior com a ajuda de uma colher. Numa tigela, misturar os tremoços, as azeitonas, o recheio da batata e o queijo Palhais em pedaços. Temperar com azeite, sal, pimenta, colorau e rosmaninho picado. Voltar a rechear as batatas. É uma receita que serve bem acompanhada de salada ou até mesmo ao lanche.


Frittata de legumes com peito de frango

4 pessoas
Chefe Henrique Sá Pessoa

Ingredientes
•  1 embalagem de batatinha_Primor
•  1 beringela
•  1 courgette
•  1 frasco de pimentos morrone
•  1 cabeça de brócolos
•  5 cogumelos laminados
•  1 peito de frango cortado em pedaços
•  6 ovos
•  1 cabeça de alho
•  1 molho de manjericão
•  1 molho de salsa
•  azeite q.b.
•  manteiga q.b.
•  queijo parmesão q.b.
•  sal e pimenta q.b.

Preparação
•  Preparar todos os legumes: cortar a beringela, a courgette e os cogumelos às fatias, e os brócolos aos pedaços. Não esquecer de picar os alhos.
•  Cozer as batatas cortadas ao meio em água e sal. Quando a batata estiver quase cozida juntar os brócolos à cozedura.
•  Cobrir a beringela, a courgette e os pimentos com azeite. Aquecer a grelha e grelhar os legumes dos dois lados;
•  Numa taça juntar manjericão e os alhos picados com azeite e sal. Cortar aos pedaços pequenos os legumes. Depois de grelhados e juntar à taça;
•  Aquecer bem uma frigideira com azeite e colocar em primeiro lugar a batata e os cogumelos crus. Deixar a alourar;
•  Adicionar o resto do alho picado, um pouco de sal e pimenta e um pouco de manteiga. De seguida os legumes grelhados, o peito de frango em pedaços e depois os brócolos;
•  Bata os ovos ligeiramente e junte-os à frigideira mexendo sempre. Depois deixar fritar bem de um lado. Sem se esquecer de virar.
•  Tirar para um prato, polvilhar com salsa e manjericão picados. Regue com um fio de azeite e por fim junte parmesão ralado e pimenta.


Nectarinas assadas na brasa com eucalipto, mel, pinhões e iogurte grego

Chefe Nuno Bergonse, restaurante Pedro e o Lobo

Ingredientes
•  3 nectarinas
•  50 g de mel
•  3 grãos de pimenta
•  8 folhas de eucalipto partidas
•  1 iogurte
•  10 g de pinhões

Preparação
•  Colocar em cima de papel de alumínio as nectarinas sem caroço.
•  Regar com o mel e tapar com todos os outros ingredientes, excepto o iogurte e os pinhões.
•  Fazer um embrulho e assar em brasa lenta durante 25 minutos.
•  Abrir o embrulho e servir com iogurte grego e pinhões.

Saladinha de favas com morcela

4 pessoas
Chefe José Avillez

Ingredientes
•  400 g de favinhas
•  200 g de morcela da Guarda
•  1 dl de azeite extra virgem
•  3 ml de vinagre de vinho branco
•  pimenta q.b.
•  sal q.b.

Preparação
Coza as favas em água a ferver com sal, durante três minutos. Deixe arrefecer. Corte a morcela em rodelas de 1 cm. Salteie as rodelas de morcela numa frigideira antiaderente com um fio de azeite e deixe corar um pouco. Retire a pele à morcela. Junte as favinhas cozidas e tempere com azeite, vinagre, sal e pimenta.


Petisco de mexilhão com tomate e chouriço

4 pessoas
Teresa Mattamouros, autora das “Receitas light” (às segundas no i e colaboradora da “blue cooking”

Ingredientes
•  600 g mexilhão
•  1 lata tomate pelado em cubos
•  1 frasco pimentos assados
•  ¼ chouriço de carne
•  1 chávena de vinho branco mesa
•  2 dentes alho
•  1 cebola
•  6 colheres sopa azeite
•  Sal
•  Pimenta preta
•  Pão saloio

Preparação
Numa frigideira grande aqueça o azeite e junte a cebola e o alho picados. Deixe refogar durante 8-10 minutos e junte ¼ do chouriço às rodelas e dois pimentos assados cortados às tiras. Deixe ganhar sabor durante dois a três minutos e junte o tomate pelado e o vinho branco. Deixe cozinhar durante mais 10 minutos, ajuste o tempero de sal e pimenta. Por fim junte os mexilhões, cozinhando durante alguns minutos até estarem completamente abertos. Sirva o pão fatiado com o molho de tomate e mexilhão por cima.
Nota: para poupar trabalho pode comprar a cebola e o alho já picados. »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/75204-seis-receitas-campista-fazer, a 25 de Agosto de 2010, em Jornal I

Bons Cozinhados!

RT


Receitas de Gelados Que Se Podem Fazer em Casa… Veja Aqui 3 Receitas de Gelados Caseiros…

Agosto 9, 2010

Receitas de Gelados Caseiros... Fonte: http://www.avidadestelado.blogspot.com

De forma a se começar bem mais uma semana de verão, porque não transcrever uma reportagem que li no final da semana transacta, e que versa, sobre a possibilidade de se fazer uns bons gelados em casa.

« Gelados. O melhor do mundo vem às cores e pode fazer-se em casa

Poucas coisas são tão boas para o Verão entre crianças: doces, frescos e com quase tudo o que é nutriente essencial. Damos-lhe sugestões e receitas para experimentar

Os gelados têm tudo para agradar às crianças. São frescos, doces e coloridos, como um dia de Verão perfeito. Todas as crianças já sonharam fazer os seus próprios gelados em casa, com os sabores preferidos, a textura desejada e em quantidade a condizer com a sua gulodice infantil. Berenice Cisneiros, que dá os cursos de culinária infantil A Cozinha não Morde, explica: “Todas as crianças gostam de gelados porque são frescos e doces. E também porque são fáceis de fazer em casa e há milhares de receitas. A manga é muito boa para fazer gelados, porque é doce e carnuda, o melão e a meloa também, é a altura deles. Se a fruta for muito boa e madura, põe-se logo menos açúcar e os gelados feitos com a fruta da época ficam muito saborosos. Também se podem fazer de framboesa, a cor fica linda, e, claro, de chocolate, que é um sabor de que eles gostam sempre.”

As boas notícias para os pais são várias. Passarem uma hora na cozinha a confeccionar gelados com os filhos vai ser muito divertido para todos e, além disso, os próprios gelados, caso sejam feitos com frutas naturais e substituindo as natas pelo iogurte, podem ser muito saudáveis. Isto para não falar do prazer de saborear um gelado feito em família, em casa, numa tarde de Verão. O famoso cozinheiro Chakall é pai de família e sabe como é divertido passar uma tarde na cozinha, entre frutos frescos, batedeira, copos para gelado, alguma desarrumação e muitas gargalhadas. E é ele quem garante que não é preciso ser um grande cozinheiro para fazer um gelado caseiro com os filhos.

Para diversos gostos, aqui ficam três receitas de gelados, uns mais doces, outros mais refrescantes, mas todos fáceis de confeccionar em casa. A única dificuldade vai ser convencer as crianças a esperar algumas horas pelo resultado final, ou seja, que os gelados ganhem a consistência desejada. Na altura de os servir, puxe pela imaginação e faça pequenas composições. Escolha pratos coloridos e decore os gelados com frutos vermelhos, bolachas, folhas de hortelã, chantilly ou molho de chocolate. Depois deixe-os lambuzarem-se à vontade e aproveite para voltar a ser criança experimentando também o gelado que fizeram em família.

Gelado de Morango (Receita de Chakall)

1 kg de morangos

2 pacotes de natas

300 g de açúcar

Pode fazer-se com outras frutas, como framboesas ou pêssegos. Lavam-se os morangos e retiram-se os pés. Põem-se todos os ingredientes na liquidificadora e bate-se durante dois minutos. Coloca- -se o gelado num recipiente bem fechado e leva-se ao congelador. Passado meia hora retira-se do congelador e mistura–se bem com a batedeira. Repete-se o processo mais uma ou duas vezes e depois deixa-se congelar completamente.

Iogurte de Manga e Banana Gelado (Receita do livro “Culinária saudável e divertida para crianças”, DK/Civilização Editores)

2 mangas médias maduras

2 bananas médias

500 g de iogurte natural espesso

23 colheres de sopa de açúcar

gotas de sumo de limão

Cortam-se as mangas e as bananas aos pedaços e colocam-se na misturadora. Junta-se o iogurte, o açúcar e algumas gotas de sumo de limão. Mistura-se tudo até se obter uma massa espessa e cremosa. Deita-se a mistura numa caixa com tampa e põe-se no congelador. Cerca de cinco horas depois, serve-se em bolas moldadas com a espátula em copos ou cones de baunilha.

Mousse de leite condensado congelada (Receita de Berenice Cisneiros)

6 claras batidas em castelo

2 gemas de ovo

1 lata de leite condensado cozida

algumas gotas de lima ou limão

Batem-se as claras em castelo. Numa tigela, batem-se as 6 gemas de ovo com a lata de leite condensado previamente cozida e juntam-se as gotas de lima ou limão. Envolve-se com as claras batidas em castelo e coloca-se em pequenos recipientes para gelados com o pauzinho durante quatro horas no congelador. Para desenformar, basta colocar as formas de gelado em água quente e elas descolam. »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/72686-gelados-o-melhor-do-mundo-vem-s-cores-e-pode-fazer-se-em-casa, a 06 de Agosto de 2010, em Jornal I

Bons Momentos Gelados!

RT


Sugestões Para Um Bom Mês de Agosto…

Julho 30, 2010

Sugestões Para Um Bom Mês de Agosto... Fonte: http://www.ionline.pt

As férias estão ai, e que tal se tivéssemos um guia para um mês de férias em grande? Ontem saiu num diário da nossa praça, um guia para um Agosto fantástico.

« ABC do Verão. Para umas grandes férias

O guia com tudo o que precisa de saber para um mês ideal. Descanso, praia, moda, cultura, comida e diversão para todos os gostos

Arribas Tenha cuidado. Portugal tem centenas de quilómetros de praias, mas nem todas são aconselháveis. Ao todo, no continente, há 172 praias sinalizadas com risco de derrocada.

Esteja atento à sinalização e evite estender a toalha nas zonas interditas

A legislação portuguesa prevê multas para quem ignorar os avisos

Este ano já houve 33 aluimentos

As principais zonas sinalizadas são o Algarve, a costa alentejana e as zonas entre a Marinha Grande e Sesimbra

Birkenstock As sandálias ortopédicas mais procuradas do Verão ganharam fama nos pés dos turistas alemães, que gostam de as usar com meias. Foram inventadas em 1774, mas continuam na moda. E são uma boa alternativa às havaianas.

Calor O Verão de 2003, talvez o mais quente da última década, já lá vai. Mas este já é considerado o mais quente dos últimos 150 anos. O i deixa-lhe algumas dicas para poder gozar os dias de praia sem comprometer a sua saúde.

Discotecas Mesmo que não goste de discotecas, é quase impossível escapar às festas de Verão. Evite confusões nos festejos com espuma e divirta-se em espaços com vista para o mar:

Lollipop: Praia Verde Resort, Castro Marim, Algarve

Manta Beach Club: Praia da Manta Rota, Algarve

Indústria: Bouça Vedra – Loivo, Vila Nova de Cerveira

Ecologia A palavra entrou – e ainda bem – para o dicionário da maioria dos portugueses. Este ano, quando planear as suas férias, opte por uma estada ecologicamente sustentável. De Viana do Castelo ao Algarve, passando pelas ilhas, o que não falta são quintas e casas de turismo rural amigas do ambiente.

Festivais Começaram timidamente com Vilar de Mouros e nos últimos anos viraram moda. Nos dias de maior calor, Portugal recebe músicos e bandas dos quatro cantos do mundo. O ideal será escolher aqueles que permitem passar o dia na praia ou no rio e à noite dar-se aos caminhos do rock’n’roll:

– Paredes de Coura The Cult, Klaxons e Prodigy são os nomes mais sonantes que vão actuar na praia fluvial do rio Tabuão.

– Super Bock Surf Fest Nos dias 12 e 13 de Agosto, a praia do Tonel, em Sagres, recebe Patrice, Vanessa da Mata, Anthony B e David Fonseca, entre outros.

– Santa Cruz Ocean Spirit Se é amante de música electrónica, este festival é para si. Bilhetes diários a 10€, com DJ para todos os gostos.

Grutas David Lamy é o melhor guia do Algarve e faz visitas às grutas do Carvoeiro desde 1980, quase todas com uma pequena praia privativa. Numa delas já se refugiaram alemães durante a Segunda Guerra Mundial, noutra existe um navio naufragado, visível quando a água está límpida.

Procure o barco do capitão, o Universus, na praia de Albandeira ou contacte-o através do 964 007 353 begin_of_the_skype_highlighting              964 007 353      end_of_the_skype_highlighting.

Haruki Murakami Nada melhor que começar um novo livro no primeiro dia de férias. Os livros do escritor japonês Haruki Murakami são sempre bons companheiros de viagem. O mais recente, “O Elefante Evapora-se”, é uma colectânea de 17 pequenas histórias passadas no Japão. Mas se ainda não leu nada dele o melhor será sem dúvida começar pelo mais óbvio nesta altura do ano: “Kafka à Beira-Mar”.

Ilhas Apanhe um barco e evite as enchentes das praias algarvias onde tem de chegar às nove da manhã para conseguir lugar para a toalha. Explore a ilha da Armona (em Olhão), a ilha Deserta (em Faro) ou a ilha de Tavira. Águas cristalinas, mornas e menos confusão que na maior parte das praias em Agosto.

Jazz O Verão não é apenas sinónimo de festivais de rock. Por estes dias o jazz anda à solta. O Cool Jazz Fest termina hoje com o espectáculo de Solomon Burke e uma convidada muito especial: Joss Stone. Entretanto, e até Setembro, os jardins da capital viram palco de concertos da música de Nova Orleães. Para o mês de Julho, o local escolhido foi o Parque Eduardo VII; Agosto será no Jardim de Belém e Setembro no Jardim das Necessidades.

Kitesurf A escola Katavento promove cursos em Portugal, de norte a sul do país, acompanhados por um monitor e com equipamento específico para ensino. Um curso básico dura 12 horas e custa 300€. Para os mais experientes há um curso avançado que custa 25€ por hora. Depois deste, o mais certo é conseguir dar aqueles saltos que costumava ver na televisão mas nunca sonhou ser capaz de fazer (katavento.net).

Loulé A Noite Branca, em Loulé, é a festa algarvia mais parecido com a passagem de ano do Rio de Janeiro. No sábado, 28 de Agosto, todos se vestem de branco e saem para as ruas do centro da cidade para dançar e beber nos bares improvisados na zona histórica. Aviso à navegação: não confundir com o processo “Noite Branca”.

Marinha É a paisagem quase sempre escolhida para a publicidade do Turismo de Portugal e o cenário de um dos postais mais enviados do Algarve. Com as suas rochas amarelas e a água azul-turquesa, a praia da Marinha, no Carvoeiro, foi galardoada em 1998 com o prémio “Praia Dourada” do Ministério do Ambiente. Está na lista Michelin das 100 praias mais bonitas do mundo e é a melhor razão do Verão para descer uma escadaria de centenas de degraus.

Naturismo Se não quer ficar com a marca do fato-de-banho, escolha uma destas praias onde o naturismo é permitido e estenda-se ao sol.

– Zavial Era o segredo dos hippies alemães que a frequentavam nos anos 80. Perto de Sagres, o acesso é feito por uma estrada construída pelo dono do único restaurante da praia. A zona de nudistas fica do lado esquerdo, junto às rochas onde se apanham mexilhões.

– Adegas É a única praia oficial de nudismo com direito a nadador- -salvador – cortesia da Câmara de Aljezur em Agosto. No parque de estacionamento da praia de Odeceixe encontra um trilho que o leva até lá.

– Meco Na verdade, é a Meca dos praticantes de nudismo. Quem se quer despir tem de caminhar a custo na areia grossa até uma placa a sul que assinala a zona. É comum ver famílias sem fato-de- -banho a cobrirem-se de argila da falésia. Dizem que faz bem à pele.

Conheça mais praias em http://www.fpn.pt.

Ostras, amêijoas, percebes e mexilhões são sinónimo de Verão. Se procura um bronzeado castanho e músculos nas pernas, vá à caça de amêijoas e conquilhas na ria Formosa, no Algarve. A melhor maneira de não sujar os pés de lama é procurar os bivalves na praia, sempre na maré baixa. Não há muita ciência na apanha da conquilha. Basta agachar-se, cavar um pequeno buraco na areia e esperar que elas venham à tona. Se não está para estas brincadeiras, agarre-as no prato, num destes restaurantes:

– Ideal: Rua Infante D. Henrique, 15, Cabanas de Tavira. De 5.a a 3.a, 12h00-15h00; 19h00-22h30. Experimente a sopa do mar, com marisco dentro de um pão redondo.

– Gabriel 2: Estrada do Monte Clérigo, Aljezur. Todos os dias, 10h00-00h00. As amêijoas do Gabriel são elogiadas por figuras públicas como Júlia Pinheiro, que afirmou terem sido as melhores que comeu na vida.

– Eduardo das Conquilhas: Rua Capitão Leitão, 8, Parede. De 5.a a 3.a, 12h00-00h00. A especialidade da casa que Eduardo dos Santos abriu em 1965 são as conquilhas, vindas da ria Formosa, em doses grandes, perfeitas para partilhar.

Piscinas Naturais Se gosta de dar umas boas braçadas longe do olhar indiscreto dos turistas, em Portugal há inúmeros locais semi-selvagens por descobrir. A norte, a serra do Gerês tem vários poços e cascatas de água gelada, mesmo a calhar nestes dias de calor infernal. Visite também a serra da Lousã e descubra as maravilhas naturais da Fraga da Pena. A sul, junto de Tavira, existe o Pego do Inferno, com uma cascata e uma piscina natural.

Quermesse Verão é também sinónimo de festas religiosas e de vendas de tralha, por isso siga a nossa sugestão e saiba onde encontrar pérolas da decoração kitsch. Para quem gosta de confusão e de ficar a cheirar a sardinha assada, há a festa (também religiosa) dos pescadores no portinho da Arrifana.

– Paróquia da Ribeira de Cima Às 15h de domingo, em honra da Nossa Senhora do Desterro, há quermesse na igreja de Porto de Mós, Leiria.

– Festa dos pescadores Portinho da Arrifana, Aljezur. Sábado e domingo. Só tem de estar disposto a grelhar o seu próprio peixe e a pagar oito euros para encher a caneca as vezes que quiser.

Ressaca Convença-se de que uma ressaca é como um desgosto amoroso: só o tempo a pode curar. Enquanto espera, hidrate-se. Assim que acordar, encha com água o maior copo do armário e deite-lhe um Guronsan. Uma Coca-Cola com gelo e limão (a última Coca-Cola do deserto) também ajuda. Não fique em casa deitado no sofá. Mexa as pernas até à esplanada mais próxima e peça uma cerveja. O primeiro gole bastará para vazar metade do copo. Se só de pensar em álcool já fica maldisposto, experimente um chá gelado (na Pizaria Casanova – ao lado da discoteca Lux, em Lisboa, por exemplo), enquanto começa a recordar-se dos disparates que fez na noite anterior.

Santini Depois de muito tempo de espera, a geladaria mais famosa do país abriu uma loja no número 9 da Rua do Carmo, em Lisboa, e tornou o Chiado ainda mais concorrido. Nem toda a gente tem paciência para esperar numa fila de mais de dez minutos para comer um gelado. Mas no Santini vale a pena. Um copo com dois sabores custa 2,50€. Recomendamos os gelados de fruta e o de doce de leite, que esgota com facilidade.

Triquini Pode ter sido a pior invenção de sempre, no que diz respeito a trajes de praia. Além da marca de bronzeado artística que deixa na barriga, só pode ser usado por mulheres com corpos esculturais, caso contrário as gordurinhas das ancas tentarão escapar-se ao mais pequeno movimento.

Ultravioleta Cuidado, são perigosos. E não se pense que os raios ultravioleta só atacam quando o Sol está descoberto. Em dias de nevoeiro convém proteger-se, utilizando para isso um protector solar adequado ao seu tipo de pele. Bronzeado sim, queimado é que não.

Vinte e nove À meia-noite de 29 de Agosto, as praias de Lagos enchem-se de gente para o ritual do mergulho nocturno. A tradição já é antiga. Começou quando os camponeses desciam a serra com as suas famílias, burros e carroças para tomarem o seu banho anual de mar. Agora a ocasião é festejada com fogueiras na praia, música, chouriço assado, e um mergulho tardio, claro.

Wagen, Volkswagen No site http://www.volkstore.com.pt há carrinhas pão de forma para alugar. Se a ideia é ir para um festival de Verão, o melhor é deixar o jambé em casa e fazer-se à estrada num destes clássicos. Acredite, os seus amigos vão ficar bem mais impressionados com a sua carrinha que com as suas habilidades festivaleiras. E os vizinhos do parque de campismo agradecem.

Xisto, Aldeias do Xisto Situam–se quase todas no interior de Portugal. Ao todo são 24 aldeias que além de uma paisagem idílica oferecem experiências gastronómicas únicas. Em Arganil, Castelo Branco, Pampilhosa da Serra ou Proença-a-Nova há percursos pedestres para descobrir, bem como um património secular conservado até aos dias de hoje,

Yggyroska No YggyBar, no Bairro Alto, a Yggyroska é a bebida mais procurada e também uma das mais refrescantes deste Verão. Experimente fazê-la em casa.

3 morangos

1 colher de sobremesa de açúcar

5 cl de vodka preta de framboesa

gelo picado

Ponha 5 cl de vodka preta de framboesa (se nunca viu à venda, procure pela marca Eristoff) num shaker e junte dois morangos.

Adicione uma colher de sobremesa de açúcar e gelo picado. Se não sabe fazê-lo, damos-lhe duas dicas: ponha algumas pedras de gelo numa misturadora ou embrulhe num pano e aproveite para descarregar

o stresse nas pedras de gelo, batendo com força com a ajuda de um rolo da massa.

Agite bem o shaker. Os morangos vão ficar aos pedaços (e às vezes até entopem a palhinha).

Para enfeitar ponha um morango inteiro a boiar no copo.

Onde beber YggyBar, Rua da Atalaia, 21, Bairro Alto, Lisboa

Preço 4€ (20 cl)

Para quem? Malta nova.

zambujeira O Festival do Sudoeste está de volta já na próxima semana, entre os dias 4 e 8 de Agosto. No Verão o Alentejo é das zonas mais quentes do país, pelo que sugerimos uma ida à praia da Zambujeira do Mar, antes de mergulhar no pó da Herdade da Casa Branca. Um passe de cinco dias custa 80€ e o bilhete diário 40€.

Festival

– Jamiroquai Jay Kay, um verdadeiro embaixador do Acid Jazz, volta com a sua banda e promete pôr o Sudoeste todo a dançar. O concerto é dia 6.

– Air A dupla francesa traz à Zambujeira o seu último disco de originais, “Love2”. Mas não deverão faltar os hits de “Moon Safari” ou “The Virgin Suicides”.

– Beirut Pode não parecer, mas os Beirut nasceram nos EUA. Tocam uma fusão de folclore balcânico com pop. A não perder, no dia 8 de Agosto.

Para dormir

– Herdade do Touril Estrada do Cabo Sardão, Zambujeira do Mar. Quartos entre 130 e 280 euros. Reservas: 93 781 16 27 begin_of_the_skype_highlighting              93 781 16 27      end_of_the_skype_highlighting

– Zmar – Eco Camping Herdade A-de-Mateus, EN 393/1, São Salvador, Odemira. Quartos entre 30 e 242 euros. Reservas: 707 200 626 begin_of_the_skype_highlighting              707 200 626      end_of_the_skype_highlighting

– Alcaria do Clemente Monte da Alcaria do Clemente, São Teotónio, Odemira. Quartos desde 50 euros. Reservas: 283 958 628 begin_of_the_skype_highlighting              283 958 628      end_of_the_skype_highlighting

Para petiscar

– Tranquitanas Entrada da Barca, Zambujeira do Mar. De 3.ª a dom., 12h00-23h00. Reservas: 283 961 186 begin_of_the_skype_highlighting              283 961 186      end_of_the_skype_highlighting; Preço médio: 20€

– Sacas Estrada da Barca, Zambujeira do Mar. De 5.ª a 3.ª das 10h00 às 00h00. Reservas: 283 961 151 begin_of_the_skype_highlighting              283 961 151      end_of_the_skype_highlighting. Preço médio: 25€

– Azenha do Mar Azenha do Mar, Brejão. De 5.ª a 3.ª, 12h00-22h00. Reservas: 282 947 297 begin_of_the_skype_highlighting              282 947 297      end_of_the_skype_highlighting; Preço médio: 25€ »

In: http://www.ionline.pt/conteudo/71219-abc-do-verao-umas-grandes-ferias, a 29 de de Julho de 2010

Boas Férias!

RT